Bases de Ataque no Handebol – Categorias Mirim e Infantil

Conforme já foi tratado neste blog, a utilização de estratégias ofensivas livres (sem características posicionais e zonais) deve ser explorada de forma contínua em categorias mirim e infantil, sendo, em muitos casos, o padrão ofensivo que pode ser utilizado como o principal a ser utilizado, sobretudo na categoria mirim.

Jogar de forma livre, porém, não significa deixar o jogo acontecer e, apenas, incidentalmente, as situações ofensivas acontecerem. Claro, que nestas idades, o jogo livre torna-se um importante referencial para o desenvolvimento da criatividade, porém, é possível que, pelo menos uma base de ataque já possa ser aprendida e utilizada.

Está base de ataque tem como referência inicial o equilíbrio entre atacante com bola e defensor adversário, em situações que tipicamente, o atacante com bola perde o poder de deslocamento (seja por que já driblou e agora está segurando a bola, seja porque o contato físico do defensor é muito presente, tornando perigoso driblar e perder a posse da bola).

Na figura abaixo, temos um exemplo de uma situação de equilíbrio defensivo frente ao atacante com bola (típico da defesa individual, também bastante comum nesse período de aprendizagem).

Figura 1. Equilíbrio Defensivo – O atacante não consegue deslocar-se com a bola.

Mediante esta situação, uma base de ataque pode ser explorada Continuar lendo “Bases de Ataque no Handebol – Categorias Mirim e Infantil”