Meios Táticos no Handebol

O handebol é um jogo fácil de jogar. As habilidades técnicas exigidas são habilidades comuns a vários jogos, como correr, saltar e arremessar, e suas regras básicas são facilmente assimiladas pelos jovens jogadores. Pensando nisso, o que diferencia um bom jogador de um excelente jogador, uma vez que o handebol é um esporte em que a maioria das pessoas consegue jogar sem grandes problemas? O grande diferencial entre os jogadores é a forma com que executam os meios técnicos-táticos específicos do jogo de handebol. Continuar lendo “Meios Táticos no Handebol”

Jogando para Aprender o Retorno Defensivo II – Jogos para a Especialização

Nas idades em que já há o processo de especialização do handebol, retornar defensivamente deve ser mais do que uma atitude aplicada em pequenos jogos, como no caso da iniciação.

Retornar defensivamente nesse período passa a ter importante carga estratégica (sem deixar de lado, claro, o fato de que as fases transitivas do jogo – retornar defensivamente e contra-atacar com rapidez – exigem grande capacidade de antecipação ao desfecho da jogada).

Retornar deixa de ser apenas uma atitude de voltar ao campo defensivo, ou de simplesmente buscar recuperar a posse de bola. Algumas funções devem começar a ser definidas enquanto modelo de jogo da equipe, estruturando o chamado “balanço defensivo”.

Balanço defensivo é uma estrurtura (móvel ou fixa) que possui características bem definidas e treinadas, de forma que a equipe possa se auto-organizar em função de elementos (referências) do jogo.

Abaixo, segue uma sequência de jogos que possibilitam a aprendizagem do retorno defensivo com o conceito de balanço defensivo. Continuar lendo “Jogando para Aprender o Retorno Defensivo II – Jogos para a Especialização”

Jogando para Aprender o Retorno Defensivo I – Jogos para a Iniciação

Caros colegas, venho por meio deste artigo, descrever algumas etapas possíveis de serem construídas para a aplicação do conceito de retorno defensivo dentro de um modelo de jogo (ou seja, como uma cultura de equipe, que não depende de acertos táticos ou estratégicos, mas que está incorporada dentro das construções coletivas da equipe).

Ressalto a questão do modelo de jogo e da aprendizagem como algo cultural dentro da equipe, pois dentro do que venho lendo e estudando sobre a aplicação da inteligência tática dentro do ambiente de jogo, falar como a equipe deve fazer o retorno defensivo não basta, se esses conceitos não forem sistematizados dentro de um processo de ensino aprendizagem.

A fala na preleção: “quando perdermos a bola você marca essa, você abafa o goleiro e você volta para a defesa”, por exemplo, não basta para uma boa aplicação prática.

Logo, construir um modelo de jogo é necessário para que algumas referências de jogo estejam intrínsecas ao jogar coletivo.

Dessa forma, esse artigo será bastante ilustrativo, buscando descrever pedagogicamente uma sequência de jogos muito úteis para a construção do “jogar coletivo” dentro de um modelo de jogo da equipe, tendo como ênfase o retorno defensivo.

Conceituando Retorno Defensivo: Continuar lendo “Jogando para Aprender o Retorno Defensivo I – Jogos para a Iniciação”