O jogo de passes com alvo como conteúdo do ensino ao handebol

No artigo anterior a este comentei sobre a possibilidade de jogos como pega-pega, alvo-móvel entre outros serem conteúdos da aula de handebol, na questão do aprendizado desse esporte de uma maneira global, como todos os seus fundamentos técnicos e táticos.

Esses jogos, além de possuírem estes fundamentos, possuem estruturas para a sua execução semelhantes às encontradas em situações do handebol formal. Vamos falar aqui de jogos em que a estrutura é parecida, porém não podem ser chamados de mini-jogos, pois não se trata de uma redução da complexidade do handebol formal, mas sim jogos pré-desportivos, pois possuem semelhanças com o esporte, porém não o são.

Ao trabalhar jogos estamos propiciando aos alunos a execução de ações e a resolução de problemas intrínsecos a complexidade do jogo. O aluno poderá beneficiar-se de maneira técnica-tática desses jogos e transferi-los ao jogo formal. De acordo com Greco (1995) ao trabalhar a tática individual e grupal integrada com exercícios complexos permite que o aluno adquira uma representação mental diferenciada das ações técnico-tática necessárias a solução dos problemas do jogo. Essa é a idéia ao trabalhar com jogos em que a lógica assemelha-se ao conteúdo especifico do handebol.

Continuar lendo “O jogo de passes com alvo como conteúdo do ensino ao handebol”

JOGOS X TÉCNICA: Tão distintos quanto pensamos?

Inicio este texto com uma pergunta aos colegas: Quantos de nós, ex-atletas, não tivemos nosso primeiro contato com o handebol na escola com um exercício de natureza técnica?

Esta questão me leva a outra pergunta: Quanto esse exercício efetivamente o auxiliou no aprendizado sobre o handebol como um todo?

Quando me refiro ao “handebol como um todo” penso neste esporte com todas as suas possibilidades de execução, ou seja, penso nos princípios estratégicos e táticos, nos fundamentos técnicos, na compreensão do jogo, no trabalho coletivo dos alunos, nas regras. Enfim, como é possível que um aluno compreenda o que é handebol se sua prática limita-se a arremessos e a execução de trifásicos?  Continuar lendo “JOGOS X TÉCNICA: Tão distintos quanto pensamos?”