Jogos Pedagógicos – Utilizando meios táticos individuais em benefício coletivo

Caros amigos, há algum tempo não atualizo o bando de jogos pedagógicos do site e essa semana achei por bem trazer à tona a discussão sobre o ensino de elementos táticos individuais.

Para muitos autores espanhóis, dentre eles Antón, um clássico autor do handebol, as organizações do jogo podem ser dividias em meios táticos, que organizam-se em táticas individuais e coletivas, sendo que os meios táticos coletivos subdividem-se em meios táticos de grupo (envolvendo 2 ou 3 jogadores adjacentes) e de equipe (envolvendo toda a equipe).

Ao falar de Táticas Individuais, podemos destacar, por exemplo as fintas, desmarques e bloqueios.

Um primeiro olhar nos trás uma curiosidade: fintar não será uma ação técnica? Desmarcar-se e bloquear também não seriam?

A princípio parece que podemos simplesmente colcoar cones ao chão e orientar para que nossos alunos “driblem” esses cones, fixando e deslocando rapidamente de um lado para o outro, conseguindo assim ensinar-los a fintar.

Sobre a ótica do ensino tradicional, isso parece adequado, pois ensinamos a técnica da finta e com o conhecimento de como essa técnica se organiza, depois veremos se há transferência imediata para o confronto de 1×1.

Ensinada dessa forma, a finta é técnica e não tática.

Porém, se a finta for uma ação individual que, porém, gera benefícios coletivos (grupo e equipe), essa finta passa a ser entendida como tática e não como técnica. Assim, um gesto intencional, que tange à ação de uma determinada técnica para resolver um determinado problema ganha uma conotação de benefício para o restante da equipe, e não apenas para o executor da ação.

Dessa forma, numa ótica de ensino pautada no Jogo, ensinar a fintar, que será nosso exemplo, incidirá no ensino de muitos outros meios táricos do jogo, que terão na finta a origem de um benefício que pode ser transmitido para toda equipe.

Jogo 1 –  1×1 com apoio

  • Regras:

o jogador atacante deve fazer o touchdown enfrentando um jogador de defesa, contando com ajuda de um coringa, para poder movimentar a bola.

Cada tentativa de ataque que finalize ou em ponto ou em erro do ataque a bola é passada para o jogador de defesa atacar

  • Pontuação:

Cada touchdown vale 1 ponto

Cada vez que a defesa fizer o ataque cometer um erro ganha 1 ponto

  • Tamanho de Campo:

1/8 da quadra

  • Materiais:

1 bola por jogo e

1 linha de referência para ser ultrapassada feita de 2 ou 3 cones

1x1-com-apoio

Jogo 2 -2×2 com Pivô e Apoio

  • Regras:

Ficará 1 jogador atacantes fora da área e 1 obrigatóriamente dentro da área fazendo a função do pivô, sendo que a defesa pode optar por defender como quiser, tanto dentro como fora da área;

Haverá um coringa como apoio ao jogo, podendo executar ações táticas restritas a respostas ofensivas e passes para o jogador que está fora da área.

  • Pontuação:

10 passes entre o atacante de fora da área e o coringa equivale a 1 ponto

Passe direto para o pivô equivale a 2 pontos

  • Tamanho de Campo:

1/4 da quadra

  • Materiais:

1 bola por jogo e

1 área feita de 4 cones (ou utilização dos círculos do garrafão e meia quadra)

2x2-com-pivo-e-apoio

Análise Pedagógica

Nas propostas de jogo apresentadas, verifica-se que a presença dos apoios (jogadores que somente tem a função de receber e passar a bola, ajudando os jogadores do jogo a circularem a bola) dá ao jogador a possibilidade de arrsicar beneficiar-se na situação de 1×1 e em não tendo êxito, ele poderá tersempre o auxílio de alguém para que o jogo continue.

No caso do segundo jogo, além do apoio, ele também tem a presença do “pivô” que será o principal objetivo do jogador a ser atingido. Ele terá, para isso a possibilidade de usar o apoio como ajuda para desmaercar-se, mas também poderá usar e abusar das fintas, pois mesmo que ele não se beneficie da ação, o apoio estará la para ajudá-lo, e em caso de êxito, terá o pivô para ser procurado.

Portanto, em ambas as atividades, fintar não será apenas uma ação técnica isolada, mas uma ação que poderá beneficiar a equipe (que joga com ele esses jogos).

3 comentários sobre “Jogos Pedagógicos – Utilizando meios táticos individuais em benefício coletivo

  1. Penso ser importante, as temáticas apresentadas por você, na abordagem dessa modalidade que muito empolga as crianças.
    Acredito que é necessário pensar antes de tudo no conceito de jogo, fora as especificações dfo handebol, para em seguida compreender a dinâmica do jogo propriamente dito.

    Sou professor de Metodologia do Ensino do Esporte Coletivo e Individual do Instituto de Ciência Sociais, Educação e Zootecnia – ICSEZ/Universidade Federal do Amazonas, no Pólo do Baixo Amazonas, na Cidade de Parintins, a terra do boi bumbá Garantido e Caprichoso.
    – Cheguei em novembro/08, através de Concurso Público, e estamos nos organizando para desenvolver várias ações nop município de Parintins.

    – Fui técnico da Seleção Amazonense de Handebol (86 a 91).

    – Tive pssagem na Seleção Brasileira de Handebol (83 e 84).

    Espero que possamos estreitar nosso contato,

    Gostaria de manter contato com mais frequência com seu trabalho.
    Aqui em Parintins há carência de trabalho com iniciação ao handebol

    Inácio Pinto (PIOLHO-AM)

  2. Ola professor Lucas Leonardo,sou estudante do último semestre do curso de Educação Física e atuo na aréa do handebol a bastante tempo(além de ser jogador de modalidade), e utilizo seu site para melhorar meus conhecimentos e desenvolover meu TCC.Mas o motivo dessa mensagem em si,é principalmente sobre o este trabalho de pesquisa.
    O tema do trabalho “Abordagens metodologicas do treinamento técnico e tático no handebol em crianças de 11 a 14 anos” o trabalho já foi finalizado e apresentado na faculdade,porem não quero parar esta pesquisa.Assim peço ajuda ao senhor ,se poderia ler e avaliar o trabalho e indicar opiniões que possam me auxiliar.Acredito que desenvolver uma linha metodologica mais solida de iniciação e de treinamento do handebol é peça fundamental para o desenvolvimento da modalidade.

    antecipadamente

    Muito abrigado

    Augusto

  3. nao sei quas nada de handebol mas gostaria que vc mim enviasse algum coteudo sobre este assunto para mim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s