Iniciação ao Goleiro de Handebol – Jogos DE Goleiro e Jogos PARA Goleiro

Depois de discutirmos o fato de termos no goleiro um ponto de partida interessante para a iniciação ao handebol devido às suas características gerais e específicas de atuação, falta discutir a utilização dos jogos para o ensino dessas características em nossas aulas.

Didaticamente, vamos conceituar duas formas de abordagem de jogos possíveis de serem feitas com o foco de aprendizagem nos jogos relacionados aos goleiros: os “Jogos DE Goleiro” e os “Jogos PARA Goleiro”.

“Jogos DE Goleiro”

Os Jogos de Goleiro são inerentes aos conteúdos que se relacionam aos 6 princípios do jogo, apontados por Bayer (1992), que discutimos anteriormente com maiores detalhes.

São jogos que, de maneira geral, devem conter conteúdos de ataque e defesa de alvos, equipes mantenedoras de posse de bola e equipes que buscam recuperá-las e outras estruturas que se assemelhem aos princípios dos jogos coletivos.

Por se tratar de questões inerentes aos goleiros, devemos também desenvolver adaptações de regras que possibilitem a utilização de estratégias de ação que tenham especificidade ao goleiro, mas que possam ser imersas em jogos gerais.

Regras que possibilitem interceptar passes com diferentes partes do corpo incluindo acréscimo de pontos à equipe, devem ser incluídas nessas atividades.

Exemplos de “Jogos DE Goleiro”

Jogos de Passes (10 passes, por exemplo)

Jogos de passes, com duas equipes disputando a posse da bola são uma estratégia de ensino bastante comum no ensino do handebol.

Porém, possibilitar que os passes sejam interceptados pelos membros inferiores e tronco não é uma atitude muito comum.

A inclusão dessa regra trará aos defensores a chance de vivenciar novas formas de interceptar trajetórias de bolas.

Geralmente sugerir a utilização dos membros inferiores não garante que os alunos o utilizem. Dessa forma, uma regra possível de ser inclusa é que somente será considerada a interceptação se forem utilizados ao mesmo tempo membros inferiores e superiores, ou seja, uma perna e um braço, uma perna e dois braços, duas pernas e um braço (se é que isso é possível – os alunos inventam de tudo, quem sabe alguém um dia não invente isso!) e etc..

Essa simples adaptação de regras possibilita grandes adaptações de ação para atuação como goleiro.

Jogos de Alvo Central, com pequenos alvos

jogo-de-goleiros-alvo-central-interceptacao-de-passe

A atividade acima desenhada é um exemplo claro de possibilidades de adaptação de um jogo geral, e, portanto, que tem em sua essência os 6 princípios do Jogo.

É um jogo em que duas equipes disputam a posse da bola e a equipe que defende deve proteger um alvo central e ao mesmo tempo outros pequenos alvos, que são os objetivos da equipe atacante.

Essa estrutura permite a adaptação de regras que tragam aos jogadores a possibilidade de vivenciar estratégias de jogo que um goleiro poderá utilizar em uma partida.

Um exemplo dessa adaptação é sugerir que: para a equipe atacante, um passe quicado feito entre os cones – e que seja recepcionado – some à equipe atacante 1 ponto a mais ao placar do jogo, mas, a equipe de defende deve interceptar sem a utilização das mãos, podendo usar o tronco e os membros inferiores para interceptar esses passes.

É um jogo que trará aos jogadores um novo problema a ser resolvido: além de defender o alvo, utilizando estratégias de jogo gerais ao goleiro e específica aos jogadores de quadra, quaisquer jogadores defensores terão que utilizar outras formas de interceptação dos passes entre os cones, ações semelhantes às possibilidades específicas do goleiro.

Definir uma situação específica (apenas para o caso de passes entre os cones) para essas ações diferentes torna o jogo ainda mais próximo do jogo formal, pois limita essas ações específicas dos goleiros apenas a situações especiais, tornando um jogo de grande complexidade para o aprendiz.

Proteja um Alvo

jogo-de-goleiros-protecao-de-varios-alvos

Esse é um jogo em que a equipe com posse de bola deverá tentar quicar a bola dentro de algum aro. Para impedir isso a equipe defensora deverá tentar salvar o alvo, podendo qualquer jogador entrar dentro do alvo ou simplesmente atrapalhar o atacante entrando em sua frente.

Para evitar que a bola quique dentro do alvo, os defensores podem utilizar qualquer parte do corpo.

Cada bola quicada dentro do alvo vale um ponto.

Cada bola salva com os membros inferiores também vale um ponto.

“Jogos PARA Goleiro”

Se os jogos DE goleiro são inerentes a atividades gerais, mas que trazem dentro de si alguns elementos típicos das ações do goleiro, os “Jogos PARA Goleiro” são jogos que tenham total especificidade com as ações exclusivas dos goleiros.

São jogos em que proteção de alvos e presença de áreas exclusivas aos goleiros devem ser exploradas, além, claro, das possibilidades de paragens com tronco e membros inferiores.

Exemplos de “Jogos PARA Goleiro”

Jogos de Paredejogo-para-goleiros-jogos-de-parede2

Ao se tratar de “Jogos PARA Goleiros” atividades de parede são muito viáveis. Nesses jogos, ao invés de um gol formal, para que seja computado um ponto para a equipe atacante, a bola deve ser lançada contra uma parede e deve passar a linha de dois cones que se encontram cerca de 3 a 6 metros da parede.

Para evitar que a bola passe pelos cones (que caracterizam um gol) um jogador específico deve interceptar a passagem da bola. É importante que todos os jogadores tenham a chance de vivências essas situações de defesa.

O jogo em si, pode conter adaptações para além dessa da estrutura do gol para uma parede que deve refletir a bola, indo da intenção de cada professor na elaboração da aula.

Jogo de Vários Alvos Refletidos

jogo-para-goleiros-jogos-de-parede1

Trata-se de um jogo em que, no lugar dos plintos, podem ser duas paredes do ginásio as áreas a serem atingidas – sendo importante delimitar uma região específica para a bola ser rebatida.

Dessa vez, ao invés de um único alvo, o jogador que faz o papel de defesa dos alvos deverá proteger 3 alvos das bolas refletidas.

Graças a essa variabilidade, torna-se um jogo em que os jogadores de quadra terão que transitar a bola de forma a confundir o “protetor dos alvos” e encontrar um alvo possível de ser atingido pela bola rebatida sem que o “protetor dos alvos” possa interceptá-la.

Uma forma interessante de criar a dinâmica de participação desse “protetor dos alvos” como um jogador de quadra é criar uma regra em que o gol do “protetor do alvo” adversário vale 2 pontos (semelhante à regra do bia handebol).

Jogo do Goleiro Fintador

jogo-para-goleiros-protecao-de-varios-alvos

Até o momento, foram mostrados jogos de parede. Esse é um jogo em que o goleiro (protetor dos alvos) terá um papel ativo na realização do jogo.

Por haver vários cones, ele poderá adotar diferentes posturas – ou tentar proteger todos os cones de uma única vez, ou tentar limitar ao atacante ter apenas um número reduzido de cones a defender.

Trata-se, portanto, de um jogo em que o “protetor dos alvos” começará a “brincar” com a idéia de fintar o atacante a arremessar nos cones que ele deixou “abertos” para o arremesso, facilitando assim suas estratégias de defesa.

Nesse esquema, foi proposta a utilização da área do basquete, mas pode ser utilizada a própria área do handebol.

Artigos Relacionados:

Anúncios

4 comentários sobre “Iniciação ao Goleiro de Handebol – Jogos DE Goleiro e Jogos PARA Goleiro

  1. Olá gostaria de saber se você conhece algum artigo que fale sobre os jogos pedagógicos, definição, paraque serve, ouseja uma abordagem maior fora exemplos de atividades?

    Obrigada, aguardo resposta.

    Letícia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s