A Utilização da Acupuntura na Preparação de uma Equipe de Handebol

Artigo gentilmente cedido por Anderson Ranieri Massahud

Artigo também disponível em: handebolbrasil.net

O crescimento do handebol nos últimos anos é notório. Na mesma proporção e na mesma evolução são as exigências que a preparação de um atleta necessita. Hoje as exigências do esporte vão muito além da simples repetição e aprendizado do gesto motor. Verificamos muitas partidas de handebol e até mesmo campeonatos serem decididos em diferença mínima de gol. Então qualquer fator passa ser de fundamental importância no sucesso ou não de uma equipe. No esporte profissional é fundamental buscar a excelência. Não se pode permitir a ocorrência de males que retardam ou interrompem a vida profissional de um atleta. Com o avanço da ciência dos esportes, novos estudos estão surgindo.

Neste contexto, a acupuntura surge como uma técnica de enorme eficácia na área de promoção e prevenção das capacidades físicas As áreas que mais estão se beneficiando desta técnica são o da medicina esportiva e o da preparação física de atletas (ROSSETTO, 2004).

A acupuntura e os exercícios físicos possuem efeitos fisiológicos semelhantes no organismo. Ambos atenuam o sistema nervoso, estimulam fibras nervosas aferentes, produzem efeitos similares nos sistemas cardiovascular e pulmonar e produzem respostas neuroendócrinas semelhantes.

Sabe-se que a acupuntura está associada à liberação de b-endorfinas. Estes opióides têm sido identificados na modulação da dor e inibição da transmissão nociceptiva em todos os níveis do sistema nervoso. Concentrações aumentadas de b-endorfinas têm sido encontradas após o exercício e a acupuntura (PELHAM et al., 2001).

A utilização da acupuntura na preparação de uma equipe nada mais é do que os conhecimentos da medicina tradicional chinesa aplicados a o conhecimento do treinamento esportivo, ou seja, é o tratamento que se utiliza de agentes físicos (agulhas, moxas, luz, gelo e movimento) para equilibrar, condicionar, estimular, preparar, desenvolver, reabilitar, prevenir lesões e restabelecer a função normal do organismo (CONFEF, 2002) ou algum seguimento do mesmo (lunA, 2002) no menor tempo possível (ZUMSTEIN, 2000).

Pelham et al. (2001) afirmam que a acupuntura pode ser utilizada para restabelecer o fluxo de energia no organismo, aliviando sinais de fadiga causados pelo treinamento físico em excesso.

Segundo Luna (2000), a acupuntura equilibra todo o funcionamento do corpo, e um corpo em equilíbrio é sinal de um corpo saudável.

Estudos realizados por Ehrlich & Haber (1992) demonstraram aumento significativo na capacidade atlética máxima e no limite anaeróbio de atletas tratados com sessões semanais de acupuntura durante cinco semanais utilizando os pontos F13, VC15, BP6, e E36.

Embora a utilização desta técnica seja aparentemente recente no mundo ocidental (quando comparado com o mundo oriental), e sua aplicabilidade na preparação de atletas tenha um aspecto inovador, registros de cerca de 2.000 anos relatam o uso da acupuntura na China Antiga por lutadores e espadachins para incrementarem a sua performance (Callado,2004).

Rossetto (2004), afirma que a acupuntura pode melhorar a performance em qualquer atividade física, porque fortalece os músculos, torna o coração e pulmões mais eficientes, alivia o cansaço, desobstrui a respiração, evita lesões musculares e aumenta o rendimento final dos atletas.

Carneiro (2000) descreve alguns dos efeitos da acupuntura passíveis de benefícios na preparação de atletas como: vasodilatação (através de liberação de substância P e CGRP – peptídeo calcitonina-gene-relacionado), antinocicepção; gatilho para liberação de substâncias vasoativas; incremento na perfusão sangüínea; estímulo à regeneração tecidual; relaxamento muscular (através de reflexos axônio-axonais); restauração da força muscular; regulação da propriocepção; restauração da função articular; normalização do tônus e da funcionalidade muscular (portão de controle do sistema locomotor).

“Há muito o que acupuntura pode fazer para as lesões nos esportes, principalmente combinado com a terapia ocidental. A acupuntura pode rapidamente aliviar a dor, a inflamação, edemas e restrições do movimento, resultando em uma recuperação mais eficiente” (Sklar, 2004).

Podemos definir que as principais aplicações e indicações da acupuntura no esporte estão relacionados aos distúrbios funcionais, a fase onde os sintomas embora presentes, ainda não apresentam achados físicos de lesão detectáveis através dos exames clínicos ou laboratoriais.

Segundo Carneiro (2000): opondo-se aos mecanismos que causam e mantêm os distúrbios do sistema locomotor, tanto no caso das inibições quanto das hiperatividades, a ativação do portão de controle medular do sistema locomotor promove restauração da força muscular, e liberação dos movimentos restringidos por hipertonicidade muscular, através de mudanças funcionais induzidas na atividade dos neurônios motores. A modulação da propriocepção originada em músculos e tendões, por meio de reflexos espinais fisiológicos, resulta num relaxamento do tônus muscular segmentar, e as mudanças os mecanismos reflexos melhora o tônus dos músculos inibidos.

Isto acontece tanto com pessoas que praticam algum esporte regularmente em academias ou clube, assim como também com atletas amadores ou profissionais (Moller, 2002).

Segundo Moller (2002): atletas são pessoas que trabalham com afinco e seriedade, direcionados por objetivos bem definidos. Por isso, qualquer situação que os impeça de treinar/competir deve ser encarado com seriedade e cuidado. A maior parte destes problemas pode inicialmente não ser considerado grave e o atleta é tratado paliativamente. Assim os pequenos distúrbios não são curados corretamente e perduram até que um acidente, às vezes nem tão grave coloca o atleta fora de combate, e ai possivelmente com conseqüências sérias. A acupuntura possui boa aplicação e indicação nestes casos de acidente e problemas que acometem os atletas amadores ou profissionais. São utilizados no controle da dor, assim como em casos crônicos em tendões, ligamentos e músculos, de luxações e inflamações e de entorses.

Os distúrbios funcionais são patologias muito freqüentes que acometem o aparelho locomotor dos esportistas.

Em geral, são conseqüências de traumas (contusões), tensão exagerada ou fadiga por excesso de uso (distensões). As fibras que constituem os músculos e ligamentos são lesadas nos dois processos patológicos e, portanto, há necessidade de reparação tecidual para que o indivíduo retorne à sua atividade normal. A acupuntura é então utilizada para estimular a cicatrização natural, reduzir ou aliviar a dor e aumentar as funções da área afetada. Em média, um atleta se recupera com a aplicação de acupuntura, 30% mais rápido (LUNA, 2000).

A acupuntura estimula a produção dos analgésicos endógenos, chamados endorfinas. Esses compostos químicos imitam a droga morfina atacando os receptores opióides no sistema nervoso. As endorfinas ajudam a bloquear os mensageiros que levam a dor do corpo para o cérebro, resultando na diminuição da dor. As endorfinas também ajudam a regular o sistema bioquímico corporal, que causa a redução da inflamação e promove a cicatrização natural (Bompa & CORNACCHIA, 2000, p. 240).

Pelas suas características de possuir poucas restrições na sua aplicação, e acelerar a recuperação mesmo de lesões recentes, a acupuntura deveria estar entre as primeiras opções de tratamento nos casos de lesões do esporte (FERREIRA, 2000).

O tratamento é feito em sessões semanais ou diárias, e quanto mais recentes o problema, mais rapidamente ele poderá ser resolvido.

No handebol, em pesquisas ainda a serem concluídas, temos obtidos excelentes resultados no tratamento da dor músculo-esquelética secundária, espasmos de musculatura, torções e distensões, tendinites, dores provenientes da inflamação de nervos periféricos, dores articulares, etc. Em resumo, nos distúrbios provenientes de sobrecarga ou repetição exaustiva de movimentos. O atleta está também sujeito a outras condições não diretamente resultantes da prática do esporte, mas que certamente alteram o seu rendimento, como acontece nas enxaquecas, dores tencionais, insônia, distúrbios menstruais (em mulheres) que podem ser tratados ou minimizados com a utilização da acupuntura.

Anúncios

5 comentários sobre “A Utilização da Acupuntura na Preparação de uma Equipe de Handebol

  1. Gostaria de adquirir mais informações sobre a melhora da performance de uma equipe de handebol com a acupuntura.
    Aguardo respostas

  2. Gostei muito do artigo e como sou acupunturista e pesquisador fiquei interessado em ver as referencias bibliográficas deste belo artigo, seria possível vc me enviá lo completo. Muito obrigado e pode deixar que lembrarei de cita lo em meus arquivos. Grande abraço e parabéns.

  3. Estou realizado um trabalho de acupuntura para a pós. e Gostaria de pesquisar as fontes nas quais tu citaste! existe a possibilidade de me indicar os nomes dos livros e onde encontras-te? desde ja grato

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s